Elisa Lucinda

Elisa Lucinda

domingo, 29 de janeiro de 2012

Acariciar você


Toda vez que eu te tocar
Quero te fazer sentir
Quero vê-la arrepiar
Toda vez que eu te tocar

Quando estiver longe de mim
Vai lembrar que te toquei
Vai sentir meu corpo em ti
Quando estiver longe de mim

Você irá me procurar
Pedirá mais uma vez
Que te faça arrepiar
Você irá me procurar

Eu estarei aqui
Esperando por você
Pronto para te servir
Doido pra te seduzir,
Só depende de você.

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Pra sempre vou te amar.


Como não amar alguém tão especial que parece que nasceu literalmente para mim?
Como não amar alguém que cuida tão bem de mim que o teu sorriso me faz bem?
Como não amar alguém que quando está distante meu coração acelera de saudade?
Como não amar alguém com coração tão puro e sem qualquer vaidade?

Como não te amar menina linda, como não entregar meu coração?
Como não te amar pequena flor, como não olhar pra ti e sorrir?
Como não te amar minha princesa, como não delirar de paixão?
Como não te amar eterno amor? Se contigo eu sou feliz!

Por todas essas coisas tenho certeza que também nasci pra ti
Por todas essas coisas tenho certeza que nasci pra te amar
Por todas essas coisas tenho certeza minha missão é te fazer feliz
Por todas essas coisas tenho certeza que pra sempre vou te amar.

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Explosão de Sentimentos


Houve um tempo em que escondi meus sentimentos
Olhei em teus olhos, acariciei tua face, mas não lhe disse palavras
Nem precisava, em meus olhos ela descobriu o que eu sentia
E disse-me: "Não". Sem ao menos eu ter lhe dito uma palavra
Então explodi, coloquei pra fora tudo que sentia e estava preso na garganta
Eu precisava dizer que passava dias e noites pensando em dizer
O quando admiro, o quanto respeito e o quanto desejo
Todos os dias ter um beijo seu.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Publicado no Jornal A Tarde em 16 de Janeiro 2011, pág. A2

A política do asfalto já começou!

      Mais uma vez, em ano eleitoral as ruas dos bairros pobres da nossa cidade começam a ser remendadas com uma camada fina de asfalto para receber o então pré-candidato a vereador, que pretende angariar os votos dos moradores destes bairros. Só para citar um exemplo, a Rua Batista Machado, conhecida como Mabaço de Baixo que fica no bairro de Plataforma, recebeu remendos nesta semana, mas somente um pequeno trecho da rua.

      A compra de votos através de asfalto e outros materiais de construção é comum em nossa cidade, tem pré-candidato inclusive dono desse tipo de comércio, o que facilita ainda mais a “troca de favores” com as comunidades carentes. Dificilmente, uma comunidade carente de saneamento básico e infra-estrutura que recebe benefícios de um pré-candidato ou candidato irá denunciá-lo caso haja compra de votos. Afinal de contas, muitos acreditam que é a única oportunidade que tem de receberem alguma coisa.

     Enquanto isso, questões importantes, além de infra-estrutura, como acessibilidade e segurança nem são discutidas nos comícios (chamados de reuniões antes do período eleitoral) de agradecimento pelo asfalto com faixa financiada pelo próprio pré-candidato agradecendo-o pelo feito. Porque será que a Rua Almeida Brandão também pertencente ao bairro de Plataforma nunca recebeu asfalto dos pré-candidatos a vereador eleição após eleição? Será devido à pequena quantidade de eleitores, já que do outro lado é a ferrovia?

     Em alguns casos, como em Pernambués, a Assossiação de Moradores atua de forma ativa conseguindo melhorias para o bairro independente de período eleitoral e com isso não há estranhamento para a comunidade quando em ano de eleições novas melhorias são conquistadas para o bairro por nomes já conhecidos pela luta e pela história. Porém quando alguém aparece da noite para o dia asfaltando as ruas de uma comunidade na qual ele não pertence, nem freqüenta, ai tem coisa! Vamos torcer para que o Ministério Público e o TRE (Tribunal Regional Eleitoral) estejam de olho. 

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Quando estou dentro de ti


Ah que prazer que sinto ao me atirar sobre ti
Banhar-me nessas águas que brilham a luz do sol
Se apenas te olhar já é motivo pra sorrir
Quanto mais quando estou dentro de ti

Eu curto te olhar, ao entrar e ao sair
Desejo-te todo dia e brigo por você
Eu vejo suas curvas, eu amo te sentir
Eu preciso tanto todo dia te ver

Chegar de mansinho e apenas contemplar
O brilho do sol que está sobre tua flor
Com tremendo gozo tocar em teu seio
Depois nadar com prazer e com amor.



Foto: Leonardo Dias
Modelo: Leandro de Assis