Elisa Lucinda

Elisa Lucinda

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Entrevista ao site Poesia Baiana em Junho 2010

O poeta Leandro de Assis é o idealizador do projeto Fala Escritor que acontece na Livraria Saraiva do Salvador Shopping, todo mês. Nesta entrevista, Leandro, nos fala um pouco do projeto, como surgiu a idéia, qual o objetivo, acompanhe abaixo.


Poesia Baiana
- Como surgiu à idéia de fazer o Fala Escritor?

Leandro de Assis
– A idéia surgiu quando entrei numa comunidade de Orkut destinada a escritores de Salvador e vi que duas meninas estavam empenhadas em realizar um encontro entre os membros da comunidade e não dava certo. Eram elas: Monique Jagersbacher e Fau Ferreira.
Então pensei que um encontro com escritores deve ser algo que possa possibilitar cada um mostrar seu trabalho então, coloquei no papel como seria esse encontro e levei até a Livraria Saraiva solicitando o Espaço Castro Alves para realizá-lo e convidei ambas a fazerem parte do projeto. Simultaneamente convidei o Valdeck Almeida e o Carlos Souza e depois chegaram o Grigório Rocha e a Renata Rimet.

Qual o objetivo do projeto?

Dar oportunidade para os novos escritores baianos mostrarem seus trabalhos, incentivar a escrita, a publicação e o lançamento de livros desses autores, tirando-os literalmente da gaveta. Apesar de alguns não estarem em gavetas e sim na internet. Mas nada se compara ao calor humano, ao olhar atento do público para cada poema recitado, cada livro lançado, cada canção.

Quantas “edições” já aconteceram?

Estamos caminhando para a nona edição, até aqui são 18 livros lançados, 5 apresentações musicais e participação de mais de 50 poetas e poetisas. Para a próxima edição já contamos com mais dois lançamentos.

Existe algum tipo de apoio por parte de editoras, governo, instituições, parceiros?

Temos o apoio da Livraria Saraiva que nos concede gratuitamente o Espaço Castro Alves que é o espaço de eventos da loja do Salvador Shopping, também já fizemos um evento na loja do Iguatemi e em fevereiro (2010) tivemos o apoio do Vereador Isnard Araújo e fizemos uma edição no Espaço Cultural da Câmara Municipal de Salvador.

Você, como idealizador, atualmente se sente feliz com os resultados obtidos pelo projeto?

Super feliz e entusiasmado, o que me deixa mais animado não é o autor que foi lançar o segundo livro e sim aquele que foi lançar o primeiro, aquele poeta que pela primeira vez teve coragem de recitar um poema numa programação do Fala Escritor ou aquela pessoa que após presença no público do Fala Escritor, descobriu-se poeta ou decidiu escrever um livro e isso já vem acontecendo.

Acompanhe as novidades do evento, através do Blog do Fala Escritor .

Nenhum comentário: